João Pessoa - Paraíba - Brasil

Buscar Imóveis

GLOSSÁRIO

  • FIANÇA

    Ato ou contrato que dá ao credor uma segurança de pagamento, que se efetiva mediante promessa de terceiro, um fiador, no caso, que se responsabiliza parcial ou totalmente pela execução da obrigação principal a cargo do devedor, caso este não venha a honrá-la. A fiança completa a insuficiência patrimonial do devedor com o patrimônio do fiador. Se o devedor não pagar o débito ou se seus haveres forem insuficientes para cumprir a obrigação assumida, o credor poderá voltar-se contra o fiador, reclamando o pagamento da dívida.

  • FINANCIAMENTO DIRETO

    Forma de pagamento na aquisição de imóvel em que o próprio incorporador concede financiamento ao comprador.

  • FINANCIAMENTO IMOBILIÁRIO

    FINANCIAMENTO IMOBILIÁRIO1. Recursos obtidos junto a instituição financeira no âmbito do Sistema Financeiro da Habitação ou pela chamada Carteira Hipotecária. 2. Custeamento das despesas para construção ou aquisição de um imóvel, geralmente sob garantia hipotecária do mesmo, para pagamento posterior em forma de prestações – que compreendem a amortização do capital, respectivos juros, correção monetária, bem como taxas de administração e outras.

  • FLAT

    1. Edifício com administração para-hoteleira, que oferece a seus moradores e hóspedes, infra-estrutura e serviços semelhantes aos existentes em um hotel. Geralmente conta com um conjunto de unidades decoradas e mobiliadas de forma padrão, que se destinam à hospedagem (unidades do pool de locação), cuja receita global é rateada entre todos os proprietários dessas unidades, denominados investidores. 2. Designação usual de cada apartamento de um flat.

  • FORRO

    Vedação da parte superior dos compartimentos da construção.

  • FORRO FALSO

    Forro que se coloca após a construção de laje ou coberta e independente dela.

  • FOSSA

    Cavidade subterrânea onde é despejado e acumulado o esgoto doméstico. Os elementos sólidos vão-se acumulando no fundo, enquanto a parte líquida passa para o sumidouro.

  • FRAÇÃO AUTÔNOMA

    São as diversas partes em que o edifício foi dividido, através da propriedade horizontal (podem ser casas, garagens, lojas, etc.).

  • FRAÇÃO IDEAL

    Coeficiente ou percentual de participação no terreno relativo à unidade autônoma.

  • FRONTÃO

    Elemento arquitetônico de formato triangular, característico da arquitetura clássica greco-romana.

  • FUNDAÇÃO

    Parte de uma estrutura que transmite às camadas subjacentes do solo a carga de uma construção. O responsável por este estágio de obra é um topógrafo, profissional que trabalha com os equipamentos de precisão necessários para a execução da fundação prevista no projeto executivo.

  • FUNDO DE AMORTIZAÇÃO

    Reserva de valores utilizada para amortizar débitos e juros ou para cobrir prejuízos que recaiam sobre bens imóveis e móveis. Capital formado de quantias depositadas a intervalos fixos, com o objetivo de liquidar a dívida e os juros.

  • FUNDO DE INVESTIMENTO IMOBILIÁRIO

    Modalidade de investimento imobiliário, administrada por uma instituição financeira, fiscalizada e regulamentada pela Comissão de Valores Mobiliários (CVM). Através da comercialização de cotas, o sistema oferece a vantagem de permitir a pequenos e médios investidores participação na renda líquida de grandes empreendimentos, como shoppings e prédios comerciais. Une a segurança do mercado imobiliário à rentabilidade do mercado financeiro. A renda gerada pelo fundo de determinado empreendimento é distribuída proporcionalmente aos cotistas participantes.

  • FUNDO DE RESERVA

    Recursos depositados em uma conta específica do condomínio, que podem ser mobilizados para realização de obras de conservação ordinária e extraordinária, bem como execução de benfeitorias nas partes comuns do condomínio.

  • GABARITO

    Medida que limita largura de logradouros e altura das edificações.